terça-feira, 16 de novembro de 2010

Para refletir - PEDRA NA ESTRADA -



Havia um rei muito rico e sábio que não poupava esforços para ensinar bons hábitos a seu povo.
Uma noite, enquanto todos dormiam, ele mandou por uma enorme pedra na estrada. Pediu ao seu auxiliar para ver o que acontecia.

Primeiro veio um fazendeiro com uma carroça carregada de sementes que ele levava para moagem na usina.

Ele desviou sua carroça e contornou a pedra reclamando dos preguiçosos que deixaram a pedra ali. Logo depois, um jovem soldado veio cantando pela estrada. Tropeçou na pedra e se estatelou no chão poeirento. Enfureceu-se com os preguiçosos que insensatamente haviam largado uma pedra imensa na estrada.

Assim correu o dia. Todos que por ali passavam reclamavam e resmungavam por causa da pedra colocada na estrada, mas ninguém a tocava.

Finalmente, ao cair da noite, um jovem vinha do seu trabalho e vendo a pedra, pensou:
- Já está quase escurecendo, alguém pode tropeçar nesta pedra à noite e se ferir gravemente. Vou tirá-la do caminho.

E tentou arrastar dali a pedra, até que com muito esforço conseguiu retirá-la do lugar. Para sua surpresa, encontrou uma caixa debaixo da pedra. Havia na tampa os seguintes dizeres:
"Esta caixa pertence a quem retirar a pedra".

Ela abriu a caixa e descobriu que estava cheia de ouro. O jovem foi para casa com o coração feliz.
Com frequência encontramos obstáculos e fardos no caminho. Podemos reclamar em alto e bom som enquanto nos desviamos deles se assim preferirmos, ou podemos erguê-los e descobrir o que eles significam.
A decepção é normalmente o preço da preguiça.

Um comentário:

Blog do professor Toinho disse...

Tem um jogo no meu blog, tomei a liberdade de colocar você também para jogar. Topas? Se sim poste no seu com suas próprias respostas.O jogo das sete respostas